NOTÍCIAS
DO MERCADO
compartilhar este link
O pior inimigo do greening

04/02/2020 14:55:16
Britânicas anunciam fusão

11/06/2015 16:51:29
Pode ser Pepsi na NBA?

24/04/2015 16:52:15
H2Coco lança mix com café

17/04/2015 12:55:19
Starbucks aposta em delivery

24/03/2015 11:49:58
Imposto tira gás da FEMSA

16/12/2014 15:33:52
Vita Coco quer reinar na China

20/10/2014 18:19:05
MacTangerina no cardápio

02/10/2014 14:29:13
Exportações barradas

02/07/2014 11:44:03
Rótulos da discórdia

26/06/2014 11:19:54
De olho na dieta britânica

25/06/2014 11:19:54
Nova Coca-cola chega à Europa

11/06/2014 10:54:40
Ampliando mercado

23/05/2014 10:44:00
A batalha do açúcar

07/05/2014 18:07:00
Aguá pra inglês beber

06/05/2014 12:15:00
Salvação na embalagem

16/04/2014 12:11:00
O novo energético da Coca

04/04/2014 11:21:00
TV desligada

26/03/2014 15:21:00
Laranja fora da TV

18/03/2014 12:18:00
O futuro dos energéticos

13/03/2014 17:11:00
Pepsi em cápsulas

11/03/2014 13:35:00
Pepsi aposta no México

27/01/2014 13:47:00
De olho na caxinha

24/01/2014 16:43:00
Vendas não reagem nos EUA

19/12/2013 17:12:00
Dubai sem sede

18/10/2013 12:00:00
Mapa do varejo

23/09/2013 14:48:00
Suco tenta reagir nos EUA

17/09/2013 14:02:00
Suco aposta na TV

12/09/2013 12:29:00
Laranjas da África

09/09/2013 15:01:00
Monster quer entrar na Índia

15/08/2013 16:34:00
Frutas perdem espaço

25/07/2013 11:57:00
Tropicana de cara nova

14/06/2013 10:29:00
Nova York contra os sucos

04/06/2013 12:23:00
Purity mostra suas armas

06/05/2013 12:20:00
Portas abertas para a Turquia

26/04/2013 10:39:00
Investimentos à francesa

24/04/2013 11:48:00
Xenergy vai a luta

23/04/2013 12:31:00
Maçã no vermelho

23/04/2013 11:41:00
Surge mais uma gigante

22/04/2013 14:54:00
O que a Arábia quer beber

15/04/2013 16:44:00
Lucros monstruosos

12/04/2013 15:25:00
De roupa nova

25/03/2013 13:00:00
Água no refrigerante

18/03/2013 12:31:00
As bolhas da Honest Tea

13/03/2013 11:49:00
Monster made in Japan

31/01/2013 12:39:00
Sinal verde do CADE

04/01/2013 10:42:00
Starbucks assume controle de unidade no Japão por US$914 mi

Portal Exame - 28/10/14 - Japão será seu segundo maior mercado em termos de receita com as lojas de café



O Starbucks Corp divulgou na terça-feira que planeja comprar a participação remanescente de 60,5 por cento do Starbucks Coffee Japan que ainda não detém, em um acordo de duas etapas avaliado em cerca de 913,5 milhões de dólares.

O Starbucks Japão tem operado como uma joint venture entre o Starbucks e sua parceira Sazaby League desde 1995.

Durante o verão no hemisfério norte, a Sazaby se aproximou da maior rede de cafeterias do mundo sobre a venda de sua participação acionária, disse o Starbucks em um comunicado.

Há cerca de 1.050 cafés do Starbucks no Japão, que a empresa disse que será seu segundo maior mercado em termos de receita com as lojas de café. Apesar das dificuldades econômicas do Japão, essas lojas têm margens de lucro que estão entre as mais altas do mundo, disseram os executivos da companhia em uma teleconferência com analistas.

A Sazaby começará a oferta de suas ações a partir de 26 de setembro. O preço de compra para a participação de 39,5 por cento da Sazaby é de 965 ienes por ação, para um total de 55 bilhões de ienes (cerca de 505 milhões de dólares).

Quando essa operação for concluída, o Starbucks deterá 79 por cento do Starbucks Japão.

Pouco tempo depois, o Starbucks vai começar a comprar a participação acionária restante, de 21 por cento, de acionistas públicos e detentores de opções de ações ordinárias do Starbucks Japão por um preço de 1.465 ienes por ação, e um total de 44,5 bilhões de ienes (cerca de 408,5 milhões de dólares).

O preço público por ação de 1.465 ienes representa um prêmio de 11,6 por cento sobre o preço médio de 30 dias das ações do Starbucks Japão, um ágio de 4,7 por cento sobre o preço de fechamento em 22 de setembro, e um prêmio de 51,8 por cento sobre o preço que o Starbucks está pagando pelas ações da Sazaby, disse a empresa.

Todas as etapas da oferta pública de aquisição foram aprovadas de forma unânime pelos Conselhos de Administração do Starbucks, Sazaby e Starbucks Japão, e as transações devem ser concluídas durante o primeiro semestre do calendário de 2015, disse o Starbucks.