NOTÍCIAS
DO CAMPO
compartilhar este link
A problemática fila da Anvisa

25/07/2016 12:44:28
Starbucks apoia cafeicultores

25/06/2015 11:52:08
Texas terá ajuda contra HLB

02/06/2015 12:57:45
Lista PIC

21/05/2015
Mercado espanhol segue incerto

16/03/2015 17:09:59
Licopeno contra o frio

18/02/2015 17:31:55
Greening causa perdas na China

19/01/2015 17:37:42
Produção estável no Sul

06/08/2014 12:15:39
Em busca de novas plantas

24/06/2014 11:19:54
Cancro em debate

07/05/2014 11:41:00
Todos contra o Cancro

17/04/2014 11:07:00
De olho no cancro

11/04/2014 12:11:00
De portas abertas

05/03/2014 16:27:00
Reforço Espanhol

25/02/2014 17:35:00
Uma vespa contra o greening

13/02/2014 12:22:00
Os prejuízos do frio

11/02/2014 13:29:00
Mais verba contra o greening

03/02/2014 11:12:00
Califórnia abaixo de zero

12/12/2013 16:14:00
Produção em queda

10/12/2013 15:43:00
Novas soluções

19/11/2013 14:33:00
Em busca de salvação

17/10/2013 13:31:00
Molécula pode salvar pomares

15/10/2013 11:06:00
Para falar de doenças

10/10/2013 12:51:00
O DNA do grenning

03/10/2013 15:07:00
Em busca de aliados

01/10/2013 12:11:00
De olho no inseto

24/09/2013 10:36:00
Capacitação contra doenças

12/09/2013 11:04:00
A safra de Steger

19/08/2013 19:09:00
Greening avança em SP

02/08/2013 15:24:00
Produção em queda

11/07/2013 15:46:00
Formulário contra o greening

10/06/2013 15:47:00
Laranjas em queda

11/04/2013 14:24:00
Doenças avançam

08/04/2013 12:23:00
Menos laranja na Flórida

12/12/2012 15:06:00
Um PIC contra as pragas

25/04/2012 14:34:00
Menos laranja na Flórida

12/04/2012 16:53:00
No México citrus sofre com o greening

Freshplaza.com - 23/09/2015 - Citricultores temem perda de 50% da produção

A província mexicana de Tamaulipas, vem sofrendo drásticas perdas com o aumento da incidência do greening na região. De acordo com os produtores, a estimativa é de que 50% da produção de citrus na região corre o risco de desaparecer nos próximos seis anos por causa da doença.

Tamaulipas tem uma produção média anual de 600 mil toneladas de laranjas, grapefruits, mandarinas e limas Italianas e Mexicanas, cultivadas em 44 mil hectares de pomares.

Produtores dos municípios de Güemez, Padilla, Hidalgo, Abasolo e Soto La Marina estão bastante preocupados com a situação. De acordo com o relatório fornecido por fiscais da Secretaria de Agricultura de Tamaulipas, há também indícios de que a bactéria causadora do greening está presente em árvores de laranja e limão plantadas em jardins de áreas residenciais.

O diretor da secretaria de agricultura, Tomaz Ruiz Ruiz destaca que a presença da doença nos pomares e áreas urbanas pode causar perdas ainda maiores, porque afetará não só os citricultores, mas também as lojas que comercializam produtos para o manejo dos pomares e também os colhedores de citrus.

O surto mais intenso da doença foi detectado nas áreas de Güemez, Hidalgo e Padilla. Nesses locais, os produtores estão erradicando as plantas afetadas para tentar ao menos evitar que a doença se espalhe para outras plantas nos pomares e cause ainda mais perdas ao setor.