NOTÍCIAS
compartilhar este link
Briga de Titãs

28/11/2016 15:17:21
Taeq lança Cajuína Orgânica

17/11/2016 15:22:32
Morre Toninho Pratinha

21/10/2016 16:50:20
O futuro da Hanjin à deriva

04/10/2016 14:24:25
Ameaça de embargo

22/08/2016 14:58:11
Cuidados no pomar

04/08/2016 13:03:39
Sufresh FLIP chega ao mercado

20/07/2015 12:58:49
O suco que bate um bolão

16/03/2015 18:03:36
Consumo em queda

04/03/2015 09:06:51
O supersuco da Purity Organic

02/12/2014 15:27:46
Zone 8 lança chás premium

28/11/2014 17:29:15
Alta interrompida

25/11/2014 18:50:14
Suco volta a subir na Bolsa

21/10/2014 19:19:55
Edeka veta transgênicos

15/09/2014 07:37:58
Uma salada para beber

12/09/2014 13:02:00
O novo suco da Mello

09/09/2014 12:51:19
Suco volta a cair

08/09/2014 12:50:22
Suco volta a fechar em baixa

02/09/2014 12:47:06
Demanda enfraquece cotações

28/08/2014 12:37:42
A nova onda da Campbell

28/08/2014 12:36:27
O super suco da Juxx

28/08/2014 12:34:27
Vita Coco quer reinar na China

25/08/2014 12:29:49
O suco das Arábia

20/08/2014 12:28:16
Safra farta no Marrocos

18/08/2014 12:27:09
A laranja gigante

14/08/2014 12:21:44
Suco volta a subir na Bolsa

14/08/2014 12:21:44
Produção estável no Sul

06/08/2014 12:15:39
Mercado em baixa

05/08/2014 12:15:39
Laranja menor, lucros maiores

30/07/2014 11:56:33
Tempestade na demanda

29/07/2014 11:56:33
Suco estável

28/07/2014 11:56:33
Sem tempestade no radar

24/07/2014 11:56:33
Medo do furacão

22/07/2014 11:56:33
Em busca de direções

17/07/2014 12:16:24
Suco recua em NY

10/07/2014 11:49:32
Clima de alta

03/07/2014 11:44:03
Tempestades vem, suco sobe

02/07/2014 11:44:03
Queda mantida

30/06/2014 11:42:27
Queda se mantém

26/06/2014 11:19:54
Em busca de novas plantas

24/06/2014 11:19:54
A ciência gordurosa

24/06/2014 11:19:54
A próxima revolução verde

23/06/2014 11:19:54
O novo Captain Citrus

18/06/2014 10:54:40
Laranja para curtir

28/05/2014 10:45:00
Pepsi deve reduzir açúcar em bebidas

Portal G1.com - 26/10/2016 - OMS propôs recentemente aumento de impostos sobre bebidas açucaradas.

Com a grande discussão em pauta sobre a diminuição do açúcar principalmente em refrigerantes, águas saborizadas e até nos isotônicos, o consumo dessas bebidas vêm sofrendo uma queda considerável no mercado. E preocupados com essa perda, a PepsiCo anunciou na semana passada, que reduzirá no mundo todo a quantidade de açúcares em suas bebidas e de gorduras saturadas e sal em suas comidas, em um momento em que circulam propostas de taxar bebidas com muito açúcar a fim de prevenir a obesidade.

A fabricante da Pepsi, do Gatorade e dos sucos de frutas Tropicana prometeu que até 2025, pelo menos dois terços de suas 12 bebidas em lata (0,35 litros) terão no máximo 100 calorias.

A empresa também se comprometeu a limitar as gorduras saturadas em seus snacks, como as batatas fritas, a um máximo de 1,1 gramas por cada 100 calorias e a aumentar sua oferta de bebidas sem calorias.

Além disso, suas comidas não terão mais de 1,3 miligramas de sal por caloria.

Um estudo publicado na semana passada por pesquisadores da Universidade de Boston criticava a Pepsi, e sua principal concorrente Coca-Cola, por investir milhões de dólares desde 2011 para combater a legislação que pretende baixar o consumo de refrescos através de impostos.

Preocupada pelo aumento da obesidade, a Organização Mundial de Saúde (OMS) propôs um aumento de impostos sobre as bebidas açucaradas para reduzir o consumo de refrigerantes.